Adaptação, Bruxas, Fantasia, Literatura, Livros, Magia, Netflix, Séries

A pior das bruxas (The Worst Witch)

624

“A magia pode fazer o que quiser”

(A pior das bruxas)

A série A Pior Das Bruxas – no original The Worst Witch – é uma série de fantasia britânica/ alemã para o público infantojuvenil. Baseado nos livros The Worst Witch de Jill Murphy, narra as aventuras de Mildred Hubble, uma garota comum que descobre ser uma bruxinha depois de um acidente e ao entrar na Academia para Bruxos da Senhorita Cackle’, se envolve em diversas confusões. Lá, a garota faz amizade com a doce e atrapalhada Maud Spellbody e Enid Nightshade, que é filha de bruxos famosos que possuem muitas expectativas em relação a filha. As três possuem personalidades diferentes, mas o dom para a confusão é o que as une e vocês podem imaginar o que elas aprontam naquela escola, não é mesmo? Mas nem tudo são flores, ao entrar na escola, Mildred tem que enfrentar a dureza e falta de reconhecimento por parte da professora Miss Hardbroom que é conhecida pelo seu temperamento difícil, fechado e um tanto exigente. Por Mildred ser uma parte mortal, é claro que tem dificuldades para se adaptar e a professora não dá moleza, fazendo cobranças e vista grossa. Na escola, a personagem também tem que enfrentar Ethel Hallow, irmã da Esmerelda que é a melhor aluna da escola. Diferente da irmã mais velha, Ethel é a típica vilã, mimada e que possui inveja dela por ela ser primeira em tudo. O embate entre as Ethel e Mildred é claro e no decorrer da narrativa, vamos descobrindo mais sobre suas motivações. E isso é muito interesse porque possibilita que conhecemos mais a fundo os personagens, o que nem sempre é comum em uma trama de fantasia, onde muitas vezes o foco está na ação e não no desenvolvimento dos personagens. Temos também a presença da Diretora Miss Cackle, que é uma bruxa de bom coração e figura materna, a avó que as personagens se firmam. Ela é doce, cativante e tem sempre um olhar positivo sobre tudo, o que é fantástico. Ela é uma grande aliada de Mildred no mundo da magia e tenta ajudá-la a se adaptar aos novos costumes e realidades.

Maud e Enid, melhores amigas de Mildred. O trio atrapalhado da escola lol

O que mais me cativou na série é que ela é muito doce e lúdica. Eu me identifiquei MUITO com a Mildred, ela é uma garota fofa, que enxerga o lado positivo da vida e é muito criativa, imaginativa. Ela me lembrou muito o meu “eu criança” e assistir a série é uma forma de matar a saudade. É também super curioso que enquanto as outras personagens estão sempre de cachecol escuro, etc, ela está sempre toda colorida. Reparem quando forem assistir. É notório o contraste e a alegria e magia que a personagem leva para aquele lugar. Dá pra ser mais eu? Acho que não né?

A série pode ser vista como um conteúdo infantil e é, mas é o tipo de produção que pode ser assistida pela família inteira. A Pior Das Bruxas toca em pontos muito importantes como aceitar a sua natureza, família, origens, amizade e muito mais. É o tipo de série que se utiliza da fantasia para fazer um paralelo com a realidade e através dela construir lições para quem assiste. A série já está em sua segunda temporada e a terceira já está disponível na TV lá fora. Acredito que em breve a Netflix vai adicionar em seu catálogo. Enquanto a primeira temporada tratou de contar a imersão de Mildred nesse mundo mágico, aprender sobre os familiares -os gatinhos pretos ou que ao menos costumam ser  (não falei que era fofa? *–*) e fazer com que a sua mãe aceite e entenda essa mundo novo em sua vida, a segunda temporada aborda o amadurecimento da protagonista e outros personagens. Mildred aprende a lidar com o seu lado bruxa, proteger e lutar até o fim por isso. No meio do caminho, a personagem vai fazer muitas indagações e descobrir mais sobre si mesma. A amizade entre Mildred, Maud e Enid está mais forte do que nunca. Ethel continua com o mesmo problema de vilania, mas tendo que aceitar Mildred e temos também a entrada de novos personagens, uma vez que o núcleo principal na segunda temporada não é mais calouro.

Ouvi muitas pessoas comentando que A Pior Da Bruxas seria um fanfic de Harry Potter, mas isso é IMPOSSÍVEL, visto que a série de livros ilustrados de The Worst Witch da Jill Murphy foi publicado em 1974. É uma série de livros que faz parte do imaginário infantil britânico. Assim como Harry Potter, faz parte da cultura deles. É conhecida mundialmente com um total de sete livros, o último publicado em 2013. Aliás, não é a primeira vez que a série é adaptada para o TV e cinema. Essa é a quinta adaptação de A Pior Das Bruxas. Em 1986 fizeram a primeira adaptação do primeiro livro em filme. A partir dos anos 90, fizeram uma série e dois spin – off que não se destacaram tanto. Até que em 2017 a Netflix e BBC e ZDF compraram os direitos e iniciaram o reboot. Na segunda temporada os episódios são baseados nos livros A Bad Spell for the Worst Witch, The Worst Witch to the Rescue e ainda conta com uma história original. Eu achei que o roteiro da série incrível, alguns episódios parecem realmente ser baseados nos livros, de forma que a história fecha muito bem. Tudo sendo resolvido naquele episódio. Ainda acho que a segunda temporada deveria contar com mais episódios, porque gostaria de ver mais alguns assuntos serem abordados, mas acredito que foi proposital para serem comentados nas próximas temporadas. Os efeitos são meio trash, mas bem normais e comuns para produções para essa faixa etária.

A Pior Das Bruxas é uma série muito gostosinha. Eu assisti em uma sentada só e é o tipo da série para assistir no final da tarde, tomando um bom café de preferência. É claro que você vai se lembrar de Harry Potter, afinal ele também é um bruxo e a mitologia é de certa forma parecida, pois estamos falando da mesma coisa. Mas não é uma cópia, A Pior Das Bruxas possui muita independência em relação a isso. Em alguns momentos a série também me lembrou A Bruxa Onilda, o que encheu o meu coração de alegria e nostalgia, já que era um desenho que assistia muito quando criança. Bem, se você está procurando uma série fantasiosa, lúdica, fofa e doce, tenho certeza que A Pior Das Bruxas vai ganhar o seu coração como o meu! Depois me contem o que acharam, vou adorar trocar ideias com outros fãs.

Ah, o site Além de Salém postou 15 curiosidades super legais sobre a série que eu particularmente adorei, corram lá!

 

 

 

Anúncios

2 comentários em “A pior das bruxas (The Worst Witch)”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s